Crédito Imobiliário – financiamento de imóveis pelo Banco do Brasil

O Banco do Brasil está oferecendo uma linha de financiamento bem
interessante, onde o sonho da casa própria pode se tornar realidade

 

O Banco do Brasil oferece um crédito imobiliário para financiamento de imóveis , as condições são mais acessíveis e as parcelas não são tão altas como de costume nessas financeiras.

Para imóveis do Sistema Financeiro de Habitação(SFH), o Banco do Brasil oferece várias categorias em financiamentos.

Vantagens do BB crédito imobiliário

Com o financiamento do Banco do Brasil crédito imobiliário você pode financiar em até 80% do valor do imóvel e as taxas de juros são menores que os demais bancos do mercado. As taxas de juros são entre 11,09% ao ano, podendo parcelar em até 420 meses.

Uma possibilidade que ajuda muito é a utilização do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço(FGTS) para quitar o saldo devedor do crédito imobiliário. O trabalhador tem que ter contribuído pelo menos 3 anos.O FGTS não poderá ser usado para financiamento de imóvel comercial, reformas, melhorias e na aquisição de imóveis para terceiros.

Aqueles gastos com cartório e tarifas referente à compra do imóvel, pode ser financiado pelo Banco do Brasil também.

Etapas do financiamento do Banco do Brasil

Para conseguir concretizar o financiamento com sucesso é necessário por algumas etapas, onde o Banco do Brasil irá avaliar tanto o imóvel quanto seu perfil, onde será feito uma análise de crédito, tudo isso leva tempo e é necessário um pouco de paciência para conseguir.

Primeira etapa: simulação do financiamento

No site do Banco do Brasil é necessário preencher os dados do imóvel, estimativa de preços, valores estimados das parcelas e alguns dados pessoais (nome e renda).  Sendo assim, o próprio site informa o valor da entrada, juros, algumas taxas e parcelas que posteriormente serão pagas.

Segunda etapa:cadastro e documentação para financiamento do imóvel

Depois que simular e avaliar se os valores se encaixam em seu orçamento vá até uma agência do Banco do Brasil levando alguns documentos necessários para fazer o cadastro. Lá irá ficar os dados para análise e caso você tenha o FGTS para utilizar, esse é o momento para apresentar.

Alguns dos documentos necessários: RG, CPF, comprovante de renda, endereço e outros. Se o financiamento for conjuntos, ambos devem levar os documentos.

Terceira etapa: análise de crédito do BB

Entre 2 a 5 dias úteis, o Banco do Brasil irá dar um parecer sobre o financiamento. Será fornecido informações a respeito do prazo e valor da entrada,das parcelas e os juros. Quanto maior a entrada, menor as parcelas dos juros. Nessa etapa, você realmente saberá de quanto de dinheiro será necessário.

Quarta etapa: avaliação do imóvel

Os engenheiros irão até o imóvel que você vai comprar e o Banco do Brasil estará analisando os documentos de compra do imóvel. A aprovação final do financiamento leva em torno de 20 a 30 dias. Toda essa avaliação gera um custo que será pago por você.

Quinta etapa: assinatura do contrato

Agora é o momento de assinar o contrato, o comprador e o vendedor irão comparecer à uma agência do Banco do Brasil. Após feito isso, você deve registrar em um Cartório de Registro de Imóveis, o que também tem um custo. Além disso, há o Imposto de Transmissão de Bens Imóveis(ITBI), que é 2% do valor total do imóvel e o laudêmio.

Reprovado

Caso seu financiamento tenha sido negado, você poderá tentar de novo após um determinado prazo, que varia de acordo com o motivo que foi negado.

Por que escolher o crédito imobiliário do Banco do Brasil?

Além da taxa de juros ser bem menor que as demais, o prazo também é um diferencial. O crédito imobiliário poderá ser pago em até 30 anos.

Caixa Econômica Federal como opção de financiamento: saiba como funciona, taxas e benefícios

Crédito Imobiliário: Como reduzir juros ao financiar imóveis